4º PRÊMIO DE DESIGN INSTITUTO TOMIE OHTAKE LEROY MERLIN

Já Fez sua inscrição para o 4º PRÊMIO DE DESIGN INSTITUTO TOMIE OHTAKE LEROY MERLIN?

Com perfil distinto das usuais premiações de design, o PRÊMIO DE DESIGN INSTITUTO TOMIE OHTAKE LEROY MERLIN @leroymerlinbrasil tem uma proposta inovadora: abdicando de categorias, sugere a cada edição um tema-desafio a estudantes universitários. A partir desse tema, projetos podem ser inscritos por universitários e recém-formados de qualquer área, não se restringindo somente a jovens designers.

A ideia é premiar propostas que destaquem e concebam a relação do design com outras áreas, como arquitetura, biologia, engenharia, moda, tecnologia, economia, física, educação, matemática, química, entre outros. O tema da quarta edição é ACOLHER.

Com esses pressupostos, o prêmio procura ressaltar que atualmente as propostas mais contundentes de design acontecem em diálogo com diferentes especialidades, instigando soluções inovadoras que possam responder a questões contemporâneas e que discutam nosso cenário social, político, urbano, habitacional, além de novas demandas tecnológicas, novos equipamentos, publicações e mídias digitais.

Se você é universitário ou recém-formado, inscreva-se até o dia 31/05 no link que está na nossa bio: @leroymerlinbrasil

Canon e Visa pour L’Image oferecem subsídios e prêmios

Fotojornalistas e documentaristas podem participar desta competição.

O Visa pour l’Image – Festival Perpignan, em parceria com a Canon, reconhece o melhor jornalismo visual do mundo de 3 a 8 de setembro em Perpignan, França.

O festival está aceitando inscrições para as seguintes competições: a Bolsa Canon para Mulher Fotojornalista, a Bolsa Canon para Curta de Vídeo-Documentários, o Prêmio Camille Lepage para um fotojornalista, Prêmio Visa d’or –  Imprensa Diária para uma redação, o Prêmio ICRC Humanitário Visa d’or Award – Comitê Internacional para a Cruz Vermelha, Visa d’or franceinfo: Prêmio para Melhor Matéria de Notícias Digital, e o Prêmio da Revista Figaro de Realização de Vida Visa d’or Award.

Os vencedores receberão EUR8.000 (US$9.483).

As inscrições vão até 17 ou 19 de maio, dependendo da categoria.

Infos: https://www.visapourlimage.com/festival/awards-and-grants

Prêmio destaca cobertura de educação superior brasileira

Jornalistas de todo o Brasil podem competir por este prêmio.

O Prêmio ABMES de Jornalismo visa incentivar a produção de reportagens e matérias que abordem a educação superior no Brasil.

Os trabalhos devem ter sido publicados ou transmitidos entre 1º de julho de 2019 a 14 de maio de 2021.

As modalidades são vídeo, áudio e escrito (impresso e online), divididas em duas categorias: nacional e regional. Os vencedores receberão R$10.000 a R$15.000, dependendo da categoria.

As inscrições vão até 14 de maio.

Infos: https://premiodejornalismo.abmes.org.br/regulamento

Prêmio brasileiro de reportagens

Jornalistas profissionais podem competir por este prêmio brasileiro.

O Prêmio Rede ILPF de Jornalismo reconhece trabalhos jornalísticos sobre sistemas de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF).

O tema deste ano é “Com a ILPF, produzir e preservar é possível”.

Os trabalhos devem ter sido veiculados entre 1º de agosto de 2019 e 15 de maio de 2021 em TVs, jornais, revistas, rádios, sites, blogs e plataformas de áudio e vídeo sob demanda.

Os vencedores de cada uma de cinco categorias receberão uma press trip a uma das 16 Unidades de Referência Tecnológica (URT) ou uma das 12 Unidades de Referência Tecnológica e de Pesquisa (URTP).

As inscrições vão até 15 de maio.

Infos: https://abre.ai/crXu

Prêmio CNBB de comunicação abre inscrições

Jornalistas, produtores, cineastas e estudantes de jornalismo e comunicação com trabalhos no Brasil sobre valores humanos cristãos e éticos podem concorrer aos Prêmios de Comunicação da CNBB.

Organizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a competição visa estabelecer um diálogo entre a informação e cultura com o olhar atento dos profissionais de comunicação que se empenham em retratar o que acontece na sociedade, seja através de denúncias ou omissões da realidade brasileira ou por meio de exemplos da capacidade de construir o bem comum.

Os trabalhos devem ter sido publicados ou transmitidos em 2019 e 2020.

A premiação consiste no troféu Margarida de Prata para obras de cinema; o Microfone de Prata para rádio; Clara de Assis, televisão; Dom Helder Câmara, impresso; e Dom Luciano Mendes de Almeida, internet; Pastoral “Kerigma”, para ações desenvolvidas pelas equipes da Pastoral da Comunicação; e prêmio “Papa Francisco,  pesquisadores em comunicação; além da menção honrosa “irmã Doroty Stang”.

Os vencedores terão as despesas pagas para participar da premiação em Brasília se a pandemia permitir.

As inscrições vão até 23 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/y867cq7z