Bolsas na Universidade Columbia

Líderes emergentes de todo o mundo que fizeram contribuições significativas para sua área podem se inscrever neste programa em Nova York.

A Universidade Columbia aceita candidatos para o Programa de Bolsas da Fundação Obama 2021-2021.

Os bolsistas passarão o ano acadêmico, de agosto a maio, em um programa imersivo que reúne aprendizado acadêmico, baseado em habilidades e experimental, desenvolvido pela Universidade Columbia em consulta com a Fundação Obama.

Embora o programa normalmente seja realizado em Nova York, existe a possibilidade de ser conduzido remotamente devido à pandemia de COVID-19.

O programa oferece passagem aérea, uma bolsa mensal, um apartamento mobiliado, matrícula para até quatro cursos na Universidade Columbia e seguro médico, odontológico e de vida.

As inscrições vão até 5 de fevereiro.

Infos: https://tinyurl.com/y2jchl8l

Concurso mundial de jornalismo

Jornalistas podem inscrever trabalhos realizados no Reino Unido ou mundialmente para uma audiência global.

O One World Media Award prestigia matérias sobre a vida social, política ou cultural na África, Ásia, Caribe, América Latina, Oriente Médio e ex-repúblicas soviéticas.

A competição conta com 15 categorias, reconhecendo o trabalho de todas as plataformas de mídia em uma variedade de gêneros, além de um prêmio especial para a mídia independente em países em desenvolvimento.

Os trabalhos devem ter sido publicados entre 13 de fevereiro de 2020 e 16 de fevereiro de 2021. Todos os trabalhos que não estão em inglês devem ser traduzidos, legendados ou dublados.

As inscrições vão até 16 de fevereiro.

Infos: https://tinyurl.com/y2y4dqsq

Festival internacional de cinema

Documentaristas podem participar deste festival de cinema em Xangai.

O 24º Festival Internacional de Cinema de Xangai acontecerá de 11 a 20 de junho.

O festival está aceita filmes concluídos após 1º de junho de 2020. Filmes que não são em inglês devem ser legendados no idioma. O tempo mínimo de execução é de 70 minutos para documentários.

As inscrições vão até 31 de março.

Infos: https://tinyurl.com/y45pbpge

Fundos disponíveis para reportagem literária

Jornalistas em início de carreira que querem se concentrar em uma história que revela verdades sobre a condição humana podem concorrer a apoio em dinheiro.

O Arthur L. Carter Journalism Institute da Universidade de Nova York convida inscrições para o Prêmio de Reportagem Literária Matthew Power, em homenagem ao jornalista que reportava sobre a condição humana e morreu em missão em Uganda em março de 2014.

O vencedor receberá US$12.500, terá um documento de identificação da Universidade de Nova York e privilégios de pesquisa e referência online e presenciais completos da biblioteca, bem como um escritório na universidade (a não ser que não haja espaço).

O trabalho final deve ser publicado em inglês.

O prazo de inscrição vai até 16 de fevereiro.

Infos: https://tinyurl.com/y64vmx32

Festival de cinema da mulher aceita documentários

Documentaristas que se indentificam como mulheres podem participar deste festival de cinema.

O Festival Internacional de Cinema Women Make Waves será realizado em outubro em Taipei, Taiwan.

O festival aceita filmes concluídos após 1º de março de 2019. Os filmes devem ser dirigidos por pelo menos uma diretora.

As inscrições que não estiverem em inglês devem incluir legendas em inglês. Legendas em inglês também são recomendadas para filmes em inglês.

Há uma taxa de inscrição de US$10.

As inscrições vão até 25 de fevereiro.

Infos:  https://tinyurl.com/yygc4g9a

Bolsas de jornalismo na Alemanha

Jovens jornalistas, gestores de mídia e outros profissionais de comunicação podem se inscrever.

A DW Akademie aceita inscrições para seu programa de Estudos de Mídia Internacional, em Bonn, Alemanha. Os alunos que concluírem com êxito o programa de quatro semestres receberão diploma de mestrado.

O programa reúne pesquisa, palestras e experiências práticas, combinando estas disciplinas: mídia e desenvolvimento, jornalismo, comunicação e gerenciamento de mídia.

Dez bolsas integrais são oferecidas a candidatos da África, Ásia, América Latina ou Europa Oriental.

Os candidatos devem ter diploma de bacharel e pelo menos um ano de experiência profissional em um campo relacionado com mídia. Os candidatos também devem ter um bom conhecimento de inglês e alemão.

As inscrições vão até 31 de março.

Infos: https://tinyurl.com/yyap2tzf

Reuters organiza bolsa de jornalismo em Oxford

Jornalistas em meados de carreira podem se inscrever para uma bolsa de estudos na Universidade de Oxford, na Inglaterra.

O Reuters Institute for the Study of Journalism busca candidatos para seu programa de pesquisa, com duração de três ou seis meses e início em outubro de 2021 ou janeiro de 2022.

O programa oferece a jornalistas visitantes de todo o mundo a oportunidade de refletir criticamente sobre sua profissão, pesquisar um tema de sua escolha sob a supervisão de um acadêmico especializado nessa área e aproveitar a amplitude da vida acadêmica, cultural e social na Universidade de Oxford.

Os candidatos devem ter pelo menos cinco anos de experiência em jornalismo e fortes conhecimentos de inglês.

As bolsas tipicamente são totalmente financiadas e cobrem os custos de vida e acomodação.

Os candidatos devem ter experiência mínima de cinco anos de jornalismo e bom conhecimento do inglês.

As inscrições vão até 8 de fevereiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y6y7yx8d

Bolsa de estudo cobre programa de política pública na Harvard

Jornalistas com pelo menos cinco anos de experiência que querem estudar e pesquisar política pública nos Estados Unidos podem concorrer a uma bolsa em Cambridge, Massachusetts.

A Kennedy School of Government da Universidade de Harvard convida inscrições para a bolsa do Joan Shorenstein Center. Os bolsistas fazem um semestre de residência no programa e recebem US$30.000 pagos em quatro parcelas ao longo do semestre. As despesas de viagem não são cobertas pelo centro.

Para se inscrever, envie uma carta, um formulário de inscrição preenchido, uma proposta de projeto de pesquisa, currículo e recomendações.

Os candidatos devem ser jornalistas, acadêmicos ou formuladores de políticas ativos na imprensa, política e políticas públicas. Fluência em inglês é necessário.

As inscrições vão até 1° de março de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y7x668jm

New America oferece bolsa de um ano

Jornalistas, acadêmicos, cineastas e analistas de políticas públicas podem candidatar-se à turma de 2022 deste programa de bolsas.

O Programa National Fellows da New America busca ideias que tenham impacto e despertem novas conversas sobre os problemas mais urgentes de hoje.

Os bolsistas promovem ideias por meio de pesquisas, reportagens, análises e narrativas. Os projetos devem ser originais, ambiciosos e viáveis, como escrever um livro, desenvolver uma série de artigos ou produzir um documentário.

A bolsa vai de setembro de 2021 a agosto de 2022. Os bolsistas geralmente permanecem em seu trabalho e cidade, mas participam de duas reuniões em Washington ou Nova York.

Os fundos variam de US$15.000 a US$30.000.

As inscrições vão até 1° de fevereiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/yda9axkq

Reuters busca bolsista de pesquisa em jornalismo digital

Pesquisadores de jornalismo podem se inscrever para uma bolsa na Universidade de Oxford, no Reino Unido.

O Instituto Reuters para o Estudo do Jornalismo convida candidatos a uma bolsa de pesquisa de pós-doutorado em notícias digitais.

O bolsista fará parte do Digital News Project, que fornece análises quantitativas de públicos de jornalismo em mais de 40 países, com ênfase em mídia digital, notícias e política.

Os candidatos devem ter um PhD/DPhil ou experiência equivalente em uma área substantiva. É desejável ter conhecimento do debate sobre as tendências no uso da mídia e o consumo de notícias, além de um histórico de trabalho em mídia digital e jornalismo.

As inscrições vão até 18 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/yco3hvkd

Fundo para Mulheres jornalistas

Mulheres jornalistas podem concorrer a este fundo.

A International Women’s Media Foundation (IWMF) está aceitando candidatas ao Kim Wall Memorial Fund, estabelecido em homenagem à premiada jornalista sueca que cobriu matérias importantes mas pouco reportadas de todo o mundo.

Duas bolsas de US$5.000 serão concedidas para financiar reportagens sobre subculturas, amplamente definidas, e “as subcorrentes de rebelião”, levando em diante o legado de Kim. As beneficiárias também receberão a orientação de um mentor para ajudá-las em suas reportagens.

O fundo pode cobrir os custos relacionados com a reportagem, incluindo viagens (voos, transporte terrestre, motoristas), logística, taxas de visto e pagamento para tradutores.

As inscrições vão até 16 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/yacyv7rx

Programa de crescimento digital da GNI disponível em vários idiomas

Organizações de notícias são convidadas a acessar este programa gratuito.

O Programa de Crescimento Digital da Google News Initiative (GNI) visa ajudar editores de organizações de notícias pequenas e médias a desenvolver recursos para expandir seus empreendimentos online.

O programa apresenta lições de projetos da GNI e elaboradas por especialistas da indústria. Os tópicos incluem desenvolvimento de público, receita de leitores, dados e mais.

Os materiais estão disponíveis em inglês, espanhol, português, francês, italiano, polonês, alemão, coreano, japonês e bahasa indonésio.

Infos: https://tinyurl.com/yd5r346u

Concurso internacional busca imagens do ano

Fotojornalistas podem enviar seus trabalhos para este concurso.

O concurso Pictures of the Year International reconhece a excelência em fotojornalismo, multimídia e edição visual que engaja cidadãos em todo o mundo.

As novas categorias deste ano incluem cobertura da COVID-19 , eleições, protestos e movimentos sociais.

Os vencedores receberão placas, troféus e prêmios em dinheiro. Os grandes vencedores receberão US$1.000.

As fotografias deve ter sido feitas ou publicadas pela primeira vez, ou em forma impressa ou online, entre 1° de janeiro e 31 de dezembro de 2020. A taxa de inscrição custa US$50.

As inscrições vão até 18 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y8l4leg4

Bolsa de estudos em jornalismo de serviço público

Jornalistas com cinco anos de experiência podem se inscrever para esta bolsa de estudos em Milwaukee, Wisconsin.

A Universidade Marquette, em parceria com o Milwaukee Journal Sentinel, está aceitando candidatos para  Bolsa O’Brien em Jornalismo de Serviço Público.

Os bolsistas passam nove meses pesquisando, reportando e escrevendo matérias com potencial para alterar políticas e melhorar vidas.

O programa fornece uma bolsa de US$70.000, seguro de saúde, residência, mudança, subsídios de viagens de tecnologia e de projetos e remissão de mensalidades.

Jornalistas internacionais são encorajados a concorrer.

As inscrições vão até 23 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y4dpx4y9

Concurso de jornalismo sobre segurança no trânsito

Jornalistas podem enviar reportagens sobre segurança no trânsito para um prêmio em dinheiro.

A Honda organiza o concurso de jornalismo “Trânsito Seguro” em três categorias: texto (impresso e online), áudio (rádio e podcast) e vídeo (TV e online).

Os trabalhos devem ter sido publicados entre 1° de janeiro de 2020 e 28 de fevereiro de 2021.

Os vencedores em cada categoria receberão R$18.000.

As inscrições vão até 28 de fevereiro de 2021.

Canidate-se em https://tinyurl.com/y3vjaz9u

Simpósio brasileiro de rádio

Pesquisadores, profissionais, professores e estudantes estão convidados a participar do Simpósio Nacional do Rádio.

O evento sob o tema “100 anos de rádio: democracia e cidadania nas ondas sonoras” será realizado entre 5 e 7 de maio em Cuiabá. A organização é da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), em conjunto com o Grupo de Rádio e Mídia Sonora da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares em Comunicação (Intercom).

A programação inclui palestras, debates, painéis e apresentação de trabalhos científicos. Entre os tópicos estão rádio, podcasting e convergência; radiojornalismo; rádio, política, direitos humanos e cidadania; rádio, gênero e diversidade; radiodifusão universitária; e mais.

O prazo para enviar trabalhos para apresentação termina no dia 12 de fevereiro de 2021.

As inscrições custam de R$35 a R$80.

Infos: https://tinyurl.com/y4b64gfx

Prêmio de jornalismo investigativo abre inscrições

Jornalistas podem participar de um concurso com prêmios de US$5.000.

A Fundação Sidney Hillman organiza o Prêmios Hillman com o objetivo de homenagear o jornalismo investigativo e matérias que servem o bem comum.

Jornalistas em todo o mundo podem se inscrever, mas o trabalho deve ter sido acessível ao público nos Estados Unidos.

Categorias deste ano incluem livro; matéria ou série de jornal online ou impressa; matéria ou série de revista online ou impressa; matéria ou série de rádio/TV (pelo menos 20 minutos de duração); matéria ou série multimídia ou publicação web; e opinião e análise.

Junto com o prêmio em dinheiro, os vencedores receberão uma viagem para participar da premiação em Nova York.

As inscrições vão até 30 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y3kyxkhr

Programa de jornalismo econômico nos EUA oferece bolsas

Jornalistas de economia em todo o mundo com pelo menos quatro anos de experiência podem se candidatar a uma bolsa de estudos em Nova York.

A Faculdade de Pós-Graduação de Jornalismo da Universidade de Columbia está aceitando inscrições para a sua bolsa Knight-Bagehot em Jornalismo Econômico e de Negócios, que visa melhorar a compreensão dos jornalistas de negócios, economia e finanças.

Os bolsistas irão fazer cursos em jornalismo, direito empresarial, e assuntos internacionais na universidade; participar de seminários fechados e reuniões de jantar com executivos, economistas e acadêmicos; e assistir a palestras e visitar empresas jornalísticas e instituições financeiras sediadas em Nova York.

O programa, que dura o o ano acadêmico de agosto a maio, aceita até 10 bolsistas por ano. Os bolsistas recebem ensino gratuito, uma ajuda de custo para compensar as despesas e habitação no campus.

As inscrições vão até 31 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y28gerf6

Linkedin apresenta cursos gratuitos em português

Qualquer pessoa pode assistir estes cursos online.

O Linkedin e Microsoft apresentam uma variedade de treinamentos gratuitos com tradução ao português.

Entre os temas de interesse para jornalistas está o curso “Torne-se um cientista de dados”, dividido em nove módulos: como contar histórias com dados, mineração de dados, técnicas de big data, visualização de dados, Python para ciência de dados, Excel para análise de dados e mais.

Outros cursos incluem “Como aproveitar ao máximo o Linkedin”, “Trabalho remoto: Colaboração, foco e produtividade”, “Diversidade, inclusão e pertencimento para líderes e gerentes”, “As competências pessoais mais requisitadas no mercado de trabalho” e mais.

Os cursos podem ser acessados até março de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y4xq77wc

Conferência foca em confiança no jornalismo

Empreendedores de jornalismo, jornalistas, plataformas, acadêmicos, reguladores, estudantes e outros estão convidados a participar desta conferência online gratuita.

A conferência Trust in Journalism, organizada pela IMPRESS, será realizada online entre 23 e 25 de novembro.

O evento abordará questões de padrões no jornalismo, ferramentas para reportagens de alta qualidade, os desafios de construir confiança e os esforços atuais no setor e seu impacto.

O programa contará com jornalistas e líderes da mídia do Reino Unido, Estados Unidos, Austrália, Europa e América Latina, incluindo o bolsista do ICFJ Sérgio Spagnuolo.

As inscrições estão abertas.

Infos: https://tinyurl.com/y2prpprl

Curso online de jornalismo de dados

Jornalistas e estudantes de jornalismo interessados em reportagem de dados podem participar deste curso.

A Trampos Academy oferece um curso de jornalismo de dados em 13 horas de aulas em vídeo.

O instrutor, Gabriel Zanlorenssi, cientista de dados e editor-assistente de gráficos no Nexo Jornal, ensina a transformar pilhas de informações em gráficos, mapas e tabelas de visualizações de dados.

O curso pode ser feito no ritmo do aluno. Os participantes recebem certificado de conclusão.

As inscrições estão abertas. O custo é de R$300.

Infos: https://tinyurl.com/y5sjq433

Concurso destaca reportagens investigativas

Repórteres, jornalistas cidadãos e blogueiros que descobriram casos de suborno podem concorrer a um prêmio.

A TRACE International, uma organização anti-suborno sem fins lucrativos, organiza um prêmio para reportagem investigativa que se concentra em descobrir suborno comercial com o objetivo de avançar a transparência na comunidade empresarial.

Os trabalhos devem ter sido veiculados em 2020 e podem abranger violações da lei, bem como atividades que criam conflitos significativos de interesse e má conduta relacionada.

Até dois vencedores serão selecionados para receber US$10.000 cada, além de uma viagem para receber o prêmio em uma conferência organizada pela TRACE Internacional em meados de 2021.

O prazo de inscrição vai até 31 de janeiro de 2021.

Infos: https://tinyurl.com/y2kd5538

Centro Stanley aceita propostas de pautas

Jornalistas, fotógrafos e autores escritores independentes podem se inscrever neste projeto.

O Centro Stanley para Paz e Segurança busca conteúdo multimídia sobre a pandemia do coronavírus e os fatores de risco e resistência à violência em massa e atrocidades.

O projeto aceita artigos investigativos ou comentários em inglês, de preferência entre 800 e 1.500 palavras. Os ensaios fotográficos não precisam seguir esses requisitos de palavras.

As propostas devem usar a Estrutura de Análise de Crimes de Atrocidade da ONU e os cinco fatores de Alex Bellamy para fortalecer a resiliência como lentes de análise.

Jornalistas de regiões ou grupos pouco representados são incentivados a se inscrever. Os artigos serão pagos.

As inscrições estão abertas.

Infos: https://tinyurl.com/yxj5mgse

Curso gratuito de inglês para jornalistas

Qualquer pessoa pode se inscrever neste curso.

A Universidade da Pensilvânia oferece o curso online “Inglês para jornalismo” a partir de 24 de agosto pela Coursera.

O curso de cinco unidades foi elaborado pelo Departamento de Estado dos EUA para falantes não nativos do inglês interessados em desenvolver as habilidades necessárias para o jornalismo.

Os participantes irão explorar a mídia impressa e digital por meio de leituras e palestras em vídeo, enquanto expandem seu vocabulário e aumentam sua habilidade de ler, pesquisar e desenvolver notícias locais e globais.

O curso pode ser realizado no ritmo do aluno. O tempo total estimado é de 42 horas.

As inscrições estão abertas.

Infos: https://tinyurl.com/yyy4e32n

Google Notícias apresenta treinamento online

Qualquer pessoa pode acessar esse treinamento online em vários idiomas.

A Iniciativa do Google Notícias (GNI, em inglês) oferece uma série de vídeos sobre como encontrar, verificar e contar notícias online liderados pela rede global de bolsistas do Google News Lab.

Os tópicos incluem como usar o Google Earth e outras ferramentas do Google, análise de público, reportagem ambiental, design thinking, inovação e mais.

Os vídeos estão disponíveis no canal GNI no YouTube. As aulas são ministradas em inglês, francês, espanhol, português, italiano, alemão, polonês, holandês, árabe, turco, chinês, japonês, coreano e malaio.

O canal também apresenta webinars e outros eventos.

Info: https://tinyurl.com/y32ks8wj

9 sites que oferecem curso de marketing digital grátis e online

Curso de Marketing Digital para Empreendedores do Sebrae

O curso é direcionado ao microempreendedor que precisa ter noções de marketing digital para melhorar seu negócio. Não oferece certificado.

Acesse em:  https://tinyurl.com/y2art8v5

 

Fundamentos do Marketing Digital – Google

O curso apresenta um panorama geral da área e das ferramentas de marketing digital do Google.

Acesse em: https://tinyurl.com/y4njrsfs

Continue lendo

Fundo mundial para mulheres jornalistas

Mulheres jornalistas de todas as nacionalidades podem concorrer a uma bolsa.

A International Women’s Media Foundation (IWMF) está aceitando inscrições para o Fundo Buffett G. Howard, que visa apoiar mulheres jornalistas em seus projetos e empreendimentos.

Os valores das bolsas dependerão da proposta e da inclusão de um orçamento detalhado. Devido à pandemia de COVID-19, o Fundo não apoiará mais projetos ou oportunidades de desenvolvimento profissional com qualquer componente de viagem.

Possíveis projetos incluem expor questões globais críticas; desafiar narrativas tradicionais de mídia; desenvolver competências e fortalecer carreiras; treinamentos e oportunidades de liderança; e lançamento de novos projetos empresariais ou adquirir a habilidade de fazê-lo.

As candidatas devem ter três ou mais anos de experiência em jornalismo profissional. Equipes de jornalistas podem concorrer; no entanto, a inscrição deve ser feita por uma mulher jornalista e sua equipe deve incluir pelo menos 50 por cento de mulheres.

Os pedidos são aceitos continuamente durante o ano.

Infos: https://tinyurl.com/y7rey7ss

Cursos sobre verificação e conteúdo durante pandemia

Jornalistas que reportam a pandemia do COVID-19 podem acessar este curso on-line.

A Fundação Thomson lançou mais dois cursos, além do curso “Reportagem sobre COVID-19: Segurança”. Os cursos estão disponíveis em espanhol, árabe, francês, ucraniano e russo.

“Reporting on COVID-19: Verification”, criado com apoio do First Draft,  apresenta técnicas e ferramentas para ajudar a identificar informações falsas e publicar contas verificadas.

“Covering COVID-19 – Content Creation” visa ajudar jornalistas a enfrentar os desafios éticos e práticos necessários para cobrir a pandemia, incluindo a terminologia. O curso foi criado em colaboração com a International Federation of Journalists (IFJ), Dart Centre Europe, Ethical Journalism Network e Free Press Unlimited (FPU).

Ambos os cursos são autodirigidos e podem ser realizados a qualquer momento.

A inscrição é gratuita.

Infos: https://tinyurl.com/y7s4lsdr

Bolsas disponíveis para estudos de mídia na Alemanha

Jovens profissionais de países em desenvolvimento podem solicitar uma bolsa para estudar na Alemanha.

O Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD, em alemão) apoia estudos de pós-graduação e treinamento em uma variedade de assuntos, incluindo estudos de mídia.

As instituições que oferecem estudos de mídia incluem a Universidade Leipzig, Universidade Bauhaus Weimar e Universidade de Ciências Aplicadas de Colônia.

Os candidatos devem ter completado seu diploma universitário nos últimos seis anos e ter pelo menos dois anos de experiência profissional relacionada.

O prazo varia por universidade.

Infos: https://tinyurl.com/yd7qdlpn

Artistas contra #Infodemia convida projetos

Jornalistas visuais podem enviar trabalhos sobre as principais mensagens de saúde pública em resposta à pandemia de COVID-19.

O CatchLight, Dysturb e The Everyday Projectss estão aceitando produções de arte visual e storytelling como parte da iniciativa Artists Against an #Infodemic [Artistas contra uma #Infodemia].

A colaboração visa melhorar a comunicação pública e a divulgação de notícias em torno da COVID-19, principalmente em comunidades menos favorecidas.

As inscrições serão aceitas em inglês, espanhol e francês. Os criadores dos visuais selecionados receberão US$500 e seu trabalho será apresentado na campanha global da iniciativa.

As inscrições serão analisadas continuamente.

Infos: https://tinyurl.com/y9moe34k

Curso online e gratuito do Google

Introdução ao machine learning é o nome do curso online e gratuito

Iniciativa do Google voltada a jornalistas de todo o mundo está disponível em 17 idiomas, incluindo o português

Além do recém-lançado Introdução ao Machine Learning, o Google News Initiative tem outros cursos online e gratuitos. Em comunicado à imprensa, a própria empresa destaca quatro:

Jornalismo de Dados

Reportagem Investigativa

Publicação e Monetização

Jornalismo Ambiental

Serviço

Curso para jornalistas Introdução ao Machine Learning

Online

Investimento?

Nenhum – 100% online

Como participar?

A lista completa dos treinamentos está disponível no site do Google News Initiative.

Inscrições disponíveis na página do Google News Initiative: https://tinyurl.com/y989pjfb

Google lança treinamento para jornalistas

Qualquer pessoa pode acessar este curso online gratuito disponível em 17 idiomas, incluindo português.

A Google News Initiative oferece o curso “Introdução ao machine learning”, coproduzido pela Journalism AI na London School of Economics and Political Sciences em colaboração com a VRT News.

O curso é dividido em oito lições cobrindo o potencial do aprendizado de máquina para jornalistas. O tempo estimado para concluir o curso é de 54 minutos.

Outros cursos do Google focam em tópicos como fundamentos para repórteres digitais, storytelling com o Google Earth, jornalismo ambiental, verificação, proteção e segurança, storytelling multimídia, jornalismo de dados, reportagem investigativa, publicação e monetização.

Os cursos podem ser realizados a qualquer hora.

Infos: https://tinyurl.com/y989pjfb

Treinamento online gratuito de Jornalismo

Qualquer pessoa pode acessar este treinamento online gratuito.

A Escola de Jornalismo da Énois desenvolveu módulos de treinamento de jornalismo como parte de sua Caixa de Ferramentas.

A Caixa de Ferramenta é organizada em curso introdutório, técnicas jornalísticas e técnicas de grupo. Todas as atividades podem ser realizados ao longo de um ano.

Os materiais foram originalmente destinados a instituições ou equipes educadoras que queiram criar um projeto jornalístico para jovens de culturas e territórios periféricos.

Não é necessário inscrição. Todo material está disponível online.

Infos: https://tinyurl.com/yakdl3hc

Festival do Minuto oferece curso de vídeo online

Qualquer pessoa pode acessar este curso online gratuito em português.

O Festival do Minuto apresenta uma série de módulos sobre noções básicas de audiovisual com foco no Formato Minuto.

O curso é dividido em vários em vídeos curtos, incluindo introdução e exercícios baseados nos vídeos minutos do Festival. Os instrutores são o criador e curador do Festival do Minuto, Marcelo Masagão e pela educadora e cineasta Moira Toledo.

Não é necessário inscrição. Todos os vídeos estão disponíveis a qualquer hora no canal de YouTube do Festival do Minuto: https://tinyurl.com/whgc24b

Fundo convida pautas sobre COVID-19

Jornalistas que querem cobrir o pandemia de coronavírus em suas comunidades podem concorrer a este fundo.

A National Geographic lançou o Fundo de Emergência COVID-19 para Jornalistas.

O fundo varia de US$1.000 a US$8.000 para cobertura local da preparação, resposta e impacto da pandemia global de coronavírus.

As propostas devem enfatizar a entrega de notícias a populações carentes, principalmente quando há escassez de informações baseadas em evidências para aqueles que mais precisam. Há um interesse grande em modelos de distribuição local e até hiper-local.

As inscrições serão analisadas de forma contínua. Todos os materiais devem estar em inglês.

Infos: https://tinyurl.com/tye2nl4

Subsídio para reportagem sobre coronavírus

Jornalistas podem enviar propostas  de abordagens inovadoras para reportar sobre a crise do novo coronavírus.

O Centro Pulitzer lançou o Desafio de Colaboração Jornalística sobre Coronavírus.

As propostas devem envolver um esforço estratégico e orquestrado de vários jornalistas e/ou redações para realizaer um projeto de reportagem conjunto, aproveitando os recursos, experiência e plataformas de publicação.

A iniciativa de reportagem está especialmente interessada em propostas que se concentrem em questões sistêmicas e pouco reportadas subjacentes à crise do coronavírus, usem abordagens orientadas por dados e/ou interdisciplinares para reportagem sobre o coronavírus e promovem a prestação e contas dos poderosos.

Os beneficiários receberão entre US$5.000 e US$30.000.

As inscrições estão abertas e serão consideradas por ordem de chegada.

Infos: https://tinyurl.com/s89cppj

Bolsa para Jornalistas produzirem matéria sobre crises

Elegibilidade: as bolsas de Persephone Miel estão abertas a todos os jornalistas, escritores, fotógrafos, produtores de rádio ou cineastas, jornalistas de pessoal, freelancers e profissionais de mídia fora dos EUA que estão buscando relatórios de seu país de origem. As mulheres jornalistas e jornalistas de países em desenvolvimento são fortemente encorajados a candidatar-se. Os candidatos devem ser proficientes em inglês.

O Centro Pulitzer sobre Relatórios de Crise fornecerá uma concessão de viagem de US $ 5000 para um projeto de relatório sobre temas e regiões de importância global, com ênfase em questões que não foram relatadas ou subestimadas na mídia convencional.

Infos: https://goo.gl/GGc4PC

Curso de inglês para jornalistas

Qualquer um pode participar deste curso gratuito em seu próprio ritmo.

A Universidade da Califórnia, em Berkeley, oferece o MOOC (Curso Online Massivo e Aberto) “English for Journalists, part 2” através da plataforma edX. O curso é dividido em duas sessões de cinco semanas. A segunda sessão está disponível agora.

O curso foi desenvolvido pelo Departamento de Estado dos EUA e por outras organizações para falantes de inglês não-nativos que estão interessados em desenvolver as habilidades necessárias para o jornalismo. Os alunos devem dedicar de 3 a 4 horas por semana ao treinamento.

Entre os tópicos estão como melhorar o seu vocabulário e gramática inglesa para escrever matérias mais eficazes; como comunicar de forma mais eficaz com os outros em entrevistas e reportagens; e aprender diferentes estilos de escrita de notícias, incluindo humor, satírico, esportes e transmissão; e mais.

As inscrições estão abertas.

Para mais informações: https://www.edx.org/course/english-for-journalists-part-2-0

Cursos online grátis de idiomas em Cambridge

A Universidade Cambridge, da Inglaterra, oferece cursos online grátis de idiomas. Atualmente, as aulas gratuitas disponibilizadas são de alemão e mandarim.

Para começar, o interessado deve se cadastrar na plataforma de ensino Alison. Os cursos são livre, então o período de conclusão depende da disponibilidade de cada aluno. Os cursos são gratuitos, a única taxa que será cobrada é se houver a necessidade de um certificado.

Na língua germânica é possível cursar o básico, com noções da pronuncia do alfabeto e das palavras completas, números e saudações. Além disso, existem quatro tipos de aulas voltadas para conversação, nas quais os interessados aprendem a descrever sua família, profissão, marcar compromissos, entre outros temas.

Já nos cursos de língua chinesa, além dos mesmos temas abordados em alemão, existe um curso de primeiro contato com a língua e outras divisões para os de conversação – como usar meios de transportes, o que fazer no tempo livre e como reservar um hotel ou sair para um restaurante estão entre as opções.

Ao todo, são cinco cursos de alemão e sete de mandarim. É necessário, porém, ter conhecimento prévio em inglês, já que o site está todo nesta língua. Confira mais detalhes sobre os cursos em https://goo.gl/wS5XS7

Curso foca em projetos audiovisuais

Profissionais audiovisuais podem assistir a este curso online gratuito.

A ANCINE, em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), oferece o curso “Concepção de projetos audiovisuais e fontes de financiamento” através da plataforma Escola Virtual do Governo.

O curso é dividido em três módulos: visão geral do fomento, como estruturar o plano de financiamento do projeto e como apresentar um projeto na ANCINE.

Os participantes vão aprender sobre a concepção de projetos audiovisuais e fontes de financiamento.

A carga horária é de 20 horas. O curso deve ser concluído no prazo de 30 dias.

Infos: https://tinyurl.com/vh9wbph