Bolsa de reportagem para jornalistas nos EUA

Jornalistas que vivem fora dos Estados Unidos podem se candidatar a uma bolsa.

O World Press Institute (WPI) oferece um programa para jornalistas experientes que desejam melhorar sua compreensão do jornalismo americano.

O programa tem como objetivo expor os participantes para as condições de trabalho na mídia nos Estados Unidos. Eles devem informar sobre uma variedade de questões sociais para ver como as instituições americanas respondem a diferentes preocupações sociais.

A bolsa vai de meados de agosto até meados de outubro. Os participantes passam três semanas em Minnesota, viajar por várias cidades nos Estados Unidos, incluindo Washington e Nova York, e depois voltam a Minnesota para a última semana do programa.

Os candidatos devem demonstrar potencial de liderança, ter cinco anos de experiência de jornalismo em tempo integral e fluência em inglês. Freelancers também podem se inscrever.

As candidaturas vāo até 14 de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/spg6h7j

Fundos para Jornalistas em início de carreira

Jornalistas em início de carreira que querem se concentrar em uma história que revela verdades sobre a condição humana podem concorrer a apoio em dinheiro.

O Arthur L. Carter Journalism Institute da Universidade de Nova York convida inscrições para o Prêmio de Reportagem Literária Matthew Power, em homenagem ao jornalista que reportava sobre a condição humana e morreu em missão em Uganda em março de 2014.

O vencedor receberá US$12.500, terá um documento de identificação da Universidade de Nova York e privilégios de pesquisa e referência online e presenciais completos da biblioteca, bem como um escritório na universidade (a não ser que não haja espaço).

O segundo colocado receberá US$2.500.

O prazo de inscrição vai até 19 de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/u4k4jgp

Bolsa de estudos em jornalismo em Milwaukee

Jornalistas com cinco anos de experiência podem se inscrever para esta bolsa de estudos em Milwaukee, Wisconsin.

A Universidade Marquette, em parceria com o Milwaukee Journal Sentinel, está aceitando candidatos para  Bolsa O’Brien em Jornalismo de Serviço Público.

Os bolsistas passam nove meses pesquisando, reportando e escrevendo matérias com potencial para alterar políticas e melhorar vidas.

O programa fornece uma bolsa de US$65.000, seguro de saúde, residência, mudança, subsídios de viagens de tecnologia e de projetos e remissão de mensalidades.

Jornalistas internacionais são encorajados a concorrer.

As inscrições vão até 20 de janeiro.

Infos: https://tinyurl.com/qompw2j

Concurso para Jornalistas visuais e fotógrafos

Jornalistas visuais e fotógrafos profissionais podem apresentar projetos digitais para um concurso.

O concurso do World Press Photo Multimedia aceita inscrições que incluem fotografia profissional em combinação com, mas não limitadas a, áudio e elementos visuais, como vídeo, animação, gráficos, ilustrações, som ou texto.

O concurso de fotografia tem oito categorias: notícias gerais, notícias locais, questões contemporâneas da vida diária, retratos, natureza, esportes e projetos de longo prazo. O concurso de storytelling digital tem três categorias: interativo, formato longo e formato curto.

Os vencedores vão viajar para Amsterdã em abril para receber seu prêmio durante o Festival de Jornalismo Visual do World Press Photo. O vencedor da foto e matéria do ano também receberão EUR10.000 (US$11.073) cada.

Os trabalhos devem ter sido publicados em 2019 em inglês ou ter legendas em inglês.

As inscrições vão até 9 de janeiro de 2020 para o concurso de fotos e 14 de janeiro de 2020 para o concurso de storytelling digital.

Infos: https://tinyurl.com/w4ktylb

Curso para Jornalistas e estudantes em Porto Alegre

Jornalistas, estudantes e outros interessados no problema da desinformação estão convidados a este evento.

A Associação de Pesquisas e Práticas em Humanidades organiza o minicurso “Desinformação e plataformas digitais: a rede social em tempos de fake news” das 18:30 até 21 horas nos dias 18 e 19 de dezembro em Porto Alegre.

O minicurso abordará o surgimento e o espalhamento da desinformação por meio das redes sociais e plataforma digitais.

As ministrantes são Luiza Carolina dos Santos, doutoranda em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e Marília Gehrke, jornalista, mestre em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutoranda pelo mesmo programa.

Os valores custam R$80 para estudantes de graduação, R$100 para estudantes de pós-graduação e R$120 para o público em geral. Os participantes receberão certificados.

As inscrições estão abertas, mas as vagas são limitadas.

Infos: https://tinyurl.com/urf6rmn

Bolsa para Jornalistas em Harvard

Jornalistas com pelo menos cinco anos de experiência que querem estudar e pesquisar política pública nos Estados Unidos podem concorrer a uma bolsa em Cambridge, Massachusetts.

A Kennedy School of Government da Universidade de Harvard convida inscrições para a bolsa do Joan Shorenstein Center. Os bolsistas fazem um semestre de residência no programa e recebem US$30.000 pagos em quatro parcelas ao longo do semestre. As despesas de viagem não são cobertas pelo centro.

Para se inscrever, envie uma carta, um formulário de inscrição preenchido, uma proposta de projeto de pesquisa, currículo e recomendações.

Os candidatos devem ser jornalistas, acadêmicos ou formuladores de políticas ativos na imprensa, política e políticas públicas. Fluência em inglês é necessário.

As inscrições vão até 1° de março de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/sn7e22a

Concurso Sony de fotografia

Fotógrafos profissionais em todo o mundo podem participar do concurso.

Promovido pela Sony e a Organização Mundial de Fotografia, o prêmio Sony World Photography 2020 convida inscrições.

Os participantes podem enviar imagens em uma de cinco categorias: profissional, aberto e juventude (entre 12 e 19 anos).

O vencedor da categoria profissional receberá US$25.000. O vencedor da competição aberta receberá US$5.000. Os vencedores também receberão equipamento fotográfico da Sony, voos para Londres, acomodação em um hotel e ingressos VIP para participar da cerimônia de gala do Sony World Photography Awards em 2020.

Além disso, todos os vencedores receberão equipamentos fotográficos da Sony e viagem a Londres para participar da cerimônia de gala na primavera de 2020. As fotografias dos vencedores serão apresentadas em uma exibição em Londres.

As inscrições vão até 31 de dezembro para juventude e 7 de janeiro de 2020 para a categoria aberta. O prazo final para a competição profissional é 14 de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/gt2hnmq

Festival Internacional de Curtas Metragens

Documentaristas e estudantes de todo o mundo podem participar deste festival.

O Festival Internacional de Curtas-Metragens de Kiev acontecerá de 22 a 26 de abril de 2020 em Kiev, na Ucrânia.

O festival aceita curtas-metragens (de até 30 minutos) que foram finalizados após janeiro de 2018. Inscrições que não sejam em inglês devem incluir legendas em inglês.

Três prêmios principais serão concedidos: melhor filme, melhor diretor e prêmio de audiência, além de menções especiais.

A taxa de inscrição varia de US$6 a US$8, dependendo da duração e data de inscrição.

O prazo regular é 31 de janeiro de 2020. O prazo final é 28 de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/rn477ms

Bolsa de jornalismo na Universidade de Oxford

Jornalistas em meados de carreira podem se inscrever para uma bolsa de estudos na Universidade de Oxford, na Inglaterra.

O Reuters Institute for the Study of Journalism busca candidatos para seu programa de pesquisa, com duração de três ou seis meses e início em outubro de 2020 ou janeiro de 2021.

O programa oferece a jornalistas visitantes de todo o mundo a oportunidade de refletir criticamente sobre sua profissão, pesquisar um tema de sua escolha sob a supervisão de um acadêmico especializado nessa área e aproveitar a amplitude da vida acadêmica, cultural e social na Universidade de Oxford.

Os candidatos devem ter pelo menos cinco anos de experiência em jornalismo e fortes conhecimentos de inglês.

As bolsas tipicamente são totalmente financiadas e cobrem os custos de vida e acomodação.

Os candidatos devem ter experiência mínima de cinco anos de jornalismo e bom conhecimento do inglês.

As inscrições vão até 3 de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/yx7whngm

Bolsas para projetos na ONU

Organizações que trabalham nas áreas de mídia, juventude, mulher, democratização, desenvolvimento comunitário, estado de direito e direitos humanos são elegíveis.

O Fundo das Nações Unidas para a Democracia (UNDEF) está convidando organizações da sociedade civil a enviar projetos de financiamento para avançar e apoiar a democracia. Os subsídios variam entre US$100.000 e US$300.000.

Projetos com duração de dois anos são aceitos. As propostas de projetos devem se enquadrar em uma das seguintes áreas principais: igualdade de gênero; ativismo comunitário; estado de direito e direitos humanos; engajamento de jovens; fortalecimento da interação da sociedade civil com o governo; mídia e liberdade de informação; ferramentas para o conhecimento; e processos eleitorais.

As propostas devem ser enviadas online em inglês ou francês.

O prazo final é 22 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/vbhaltv

Bolsa de estudo de jornalismo nos EUA ou Canadá

Jornalistas profissionais e estudantes de jornalismo podem concorrer a uma bolsa de estudo.

A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP, em espanhol) oferece bolsas a jovens latino-americanos e caribenhos que queiram estudar nos Estados Unidos ou Canadá, e bolsas para americanos e canadenses que queiram estudar em um país latino-americano ou caribenho.

Os candidatos devem ser jornalistas ou estudantes de último ano de jornalismo, ter entre 21 e 35 anos e falar o idioma do país onde desejam estudar. Antes de começar o ano da bolsa, os candidatos devem ter concluído seu curso universitário.

Os bolsistas recebem US$20.000 além da viagem internacional em classe econômica.

As inscrições vão até 31 de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/tl8l9bj

Fundos apoiam jornalismo investigativo

Jornalistas investigativos podem se candidatar a uma bolsa de reportagem.

As bolsas, patrocinadas pelo Fund for Investigative Journalism, destinam-se a apoiar projetos investigativos que desbravam novos caminhos e expõem irregularidades como corrupção, atos ilícitos ou uso indevido de poder nos setores público e privado.

O prêmio máximo é de US$10.000, destinado a despesas extras, como viagem, coleta de documentos e aluguel de equipamentos. A primeira metade da bolsa é concedida quando a solicitação é aprovada e a segunda metade é paga quando o projeto é concluído.

As propostas devem vir de repórteres sediados nos EUA ou jornalistas internacionais cujas histórias tenham um ângulo americano, envolvendo cidadãos, governo ou empresas americanas. As matérias devem ser publicadas em inglês.

As propostas devem ser enviadas em inglês e incluir um orçamento detalhado.

As inscrições vão até 3 de fevereiro.

Infos: https://tinyurl.com/u7g6vsx

Concurso de fotografias sobre descobertas

Fotógrafos são convidados a enviar de cinco a 10 imagens para este concurso.

A Organização Mundial da Fotografia e as lentes ZEISS buscam inscrições sobre o tema “Vendo além – descobertas” para o Prêmio ZEISS de Fotografia.

As fotos podem se concentrar em uma revelação pessoal, uma inovação científica e tecnológica ou uma ideia que levou a mudanças sociais ou que revolucionou a vida cotidiana.

O concurso está aberto a trabalhos publicados e não publicados. As fotos devem ter sido tiradas entre 1° de janeiro de 2016 e 4 de fevereiro de 2020.

O vencedor receberá as lentes da câmera ZEISS, EUR3.000 (US$2.299) para cobrir os custos de viagem para um projeto fotográfico, viajar para participar da premiação e abertura da exposição em Londres em abril de 2020 e mais.

As inscrições vão até 4 de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/wm8gu9y

Subsídios de fotojornalismo da Reuters

Fotojornalistas e estudantes interessados em produzir trabalhos fotográficos podem solicitar apoio financeiro.

A Reuters relançou sua competição de bolsas de fotojornalismo, agora chamada de Subsídios Yannis Behrakis de Fotojornalismo.

Até dez vencedores receberão US$8.000 cada para melhorar suas habilidades e contar novas histórias. As fotos produzidas pelos vencedores serão distribuídas nas plataformas de mídia da Reuters News.

Os candidatos devem ter entre 18 e 35 anos. Eles devem enviar um currículo, carta de apresentação e um portfólio com 30 a 40 fotos. Confira as fotos vencedoras do ano passado aqui.

As inscrições vão até 31 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/ydsox7ol

Thomson organiza competição de jornalismo

Aspirantes a jornalistas podem competir por um lugar em um curso de verão em Londres.

A Fundação Thomson busca candidatos para a competição Journalism Now Scholar.

Os candidatos devem completar sete cursos online na plataforma Journalism Now, participar ou assistir à reprodução de até quatro seminários online com Ewen MacAskill e publicar uma matéria multimídia. Para a lista de cursos gratuitos e pagos, clique aqui. O melhor aluno será escolhido como vencedor.

O vencedor participará do curso digital e multimídia da Thomson Foundation em meados de 2020 em Londres. Todos os gastos serão cobertos pelo organizador.

As inscrições vão até 13 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/ydqt6y9y

Programa aberto a jornalistas em Nova York

Jornalistas de países de baixa renda podem se inscrever para este programa na Universidade de Columbia em Nova York.

O Instituto para o Estudo dos Direitos Humanos (SIDH, em inglês) está aceitando inscrições para o Programa de Defensores de Direitos Humanos (HRAP, em inglês). A bolsa começa no final de agosto até meados de dezembro de 2020.

O programa utiliza os recursos da Universidade de Columbia e organizações internacionais como o Human Rights Watch e Witness para fornecer líderes comunitários habilidades e oportunidades de networking.

O HRAP é desenvolvido para advogados, jornalistas, médicos, professores, assistentes sociais, líderes comunitários e outros ativistas de direitos humanos. Os candidatos devem apresentar prova de endosso institucional de suas organizações para sua participação no programa e devem se comprometer a retornar a essa organização.

Candidatos de países de alta renda não serão considerados, exceto aqueles que representam comunidades marginalizadas.

O ISHR pretende fornecer financiamento integral para cobrir os custos do programa dos participantes, bem como viagens e alojamento. Um estipêndio também é fornecido para despesas básicas.

As inscrições vão até 16 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/y5ja3ep9

Concurso de fotografia

Fotógrafos profissionais e amadores com 18 anos ou mais podem participar deste concurso.

A Iniciativa de Transparência e Responsabilidade (TAI, em inglês) lançou o subsídio de foto TAI. A iniciativa busca promover conversas sobre questões de transparência e responsabilidade.

Possíveis temas incluem manifestações de transparência e responsabilidade na forma como os cidadãos interagem com o governo, o uso de recursos públicos, compartilhamento e uso de dados, integridade de empresas e governos e mais.

Os participantes podem enviar até cinco fotos e uma proposta de matéria fotográfica.

O vencedor receberá US$8.000 para produzir pelo menos 30 fotografias relacionadas aos temas de transparência e prestação de contas do governo e das empresas.

As inscrições vão até 13 de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/yy74oqtq

Prêmio Conif de Jornalismo

Profissionais da imprensa brasileira podem concorrer a este prêmio.

O Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) convida inscrições ao Prêmio Conif de Jornalismo 2019.

As reportagens devem contribuir para aumentar o conhecimento público sobre a educação profissional, científica e tecnológica promovida pela Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

Entre possíveis temas estão os 110 anos da educação profissional no Brasil, celebrados em 2019; o papel inclusivo, social e educacional da Rede Federal; indicadores de qualidade da educação profissional, científica e tecnológica; ações, projetos inspiradores e experiências exitosas em educação profissional, científica e tecnológica desenvolvidos no Brasil e/ou em cooperação internacional; pesquisa aplicada e inovação tecnológica; e extensão tecnológica e transferência de tecnologia à comunidade.

O prêmio é oferecido em cinco categorias: impresso,  televisão, rádio, internet e institucional.

Os vencedores de cada categoria receberão R$9.000, totalizando R$45.000 em prêmios.

As inscrições vão até 31 de dezembro.

Infos: https://premioconifdejornalismo.org.br/

Subsídios para documentaristas

Documentaristas novatos e experientes podem concorrer a um subsídio.

O Filmmakers Without Borders fornece apoio financeiro para projetos narrativos, documentais, experimentais e de novas mídias em vários estágios de produção.

Os montantes das doações variam de US$100 a US$5.000 e podem cobrir o desenvolvimento, produção, pós-produção e inscrições a festival de cinema.

Os candidatos devem apresentar uma variedade de materiais, incluindo a proposta do projeto e um vídeo.

As inscrições vão até 1° de janeiro de 2020.

Infos: http://filmmakerswithoutborders.org/grants/

National Geographic apoia projetos de reportagem

Líderes de projetos nas áreas de storytelling, conservação, educação, pesquisa e tecnologia podem se candidatar a um subsídio.

A National Geographic aceita propostas para um subsídio de exploração.

Possíveis trabalhos podem incluir fotografia, filmagem, cartografia, jornalismo ou mídia digital e cobrir uma das três lentes da National Geographic: vida selvagem, o planeta em mudança ou jornada humana.

Os projetos selecionados receberão entre US$10.000 e US$30.000.

Os candidatos devem demonstrar a conclusão bem-sucedida de projetos semelhantes com resultados mensuráveis e/ou tangíveis.

As inscrições vão até 15 de janeiro.

Infos: https://tinyurl.com/y2ejfsrc

Curso online gratuito de marketing analítico

Qualquer pessoa pode assistir a este curso online em português.

O Insper oferece um curso de marketing analítico através da plataforma Coursera.

O curso apresenta cinco módulos de três horas de atividades, totalizando 15 horas.

O conteúdo inclui técnicas práticas para avaliar e recomendar decisões e ações em marketing baseadas em análise de dados.

O curso pode ser assistido a qualquer hora e no ritmo do estudante.

As inscrições estão abertas e são gratuitas.

Infos: https://tinyurl.com/yyo89vtv

Bolsa de jornalismo em Nova York

Jornalistas com pelo menos cinco anos de experiência podem se candidatar a um programa de três meses em Nova York.

O McGraw Center for Business Journalism na Faculdade de Pós-Graduação de Jornalismo da City University de Nova York organiza um programa de bolsas para apoiar a cobertura detalhada sobre negócios e economia global.

A bolsa oferece suporte editorial e financeiro para jornalistas que precisam de tempo e recursos para se dedicarem a matérias complexas e demoradas.

O programa aceita candidaturas para reportagens de texto, vídeo e áudio. Os bolsistas receberão US$5.000 por mês, durante três meses.

Jornalistas independentes, bem como repórteres e editores que trabalham em organizações de notícias, podem se inscrever. Jornalistas internacionais também são elegíveis desde que a reportagem seja concluída em inglês e direcionada a um veículo de comunicação americano.

As inscrições vão até 3 de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/y6cy5ufx

Bolsa para Jornalistas em Stanford

Jornalistas que focam no desenvolvimento econômico e político do seu país podem se inscrever para uma bolsa de verão na Universidade de Stanford.

O Draper Hills Summer Fellowship on Democracy and Development é um programa que reúne 25 a 30 profissionais em meados de carreira em todas as disciplinas, especialmente vindos de países em desenvolvimento.

A sessão de 2020 está programada para 12 a 31 de julho. A bolsa proporciona um fórum para líderes emergentes se conectarem, trocarem experiências e receberem formação acadêmica através de seminários, leituras acadêmicas e instrução em sala de aula.

A universidade cobre viagens, alojamento, despesas, custos de vida e visto.

As inscrições vão até 1° de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/yxp8txlz

Bolsa foca em liderança ética na Alemanha e Polônia

Estudantes de jornalismo e recém-formados podem se inscrever para uma bolsa de verão de duas semanas na Alemanha e Polônia.

As Bolsas de Estudo em Ética Profissional de Auschwitz (FASPE, em inglês) escolherão de 14 a 16 bolsistas para examinar o papel dos jornalistas na Alemanha nazista, o Holocausto e questões atuais que suscitam preocupações éticas.

O próximo programa de jornalismo acontecerá de 22 de maio a 5 de junho de 2020.

O programa abordará a cumplicidade de jornalistas alemães e estrangeiros nas políticas nazistas; o impacto da tecnologia no jornalismo; o papel dos jornalistas na política eleitoral e em responsabilizar o poder; jornalismo de advocacia; normalização de comportamento aberrante; o desafio de reportar em uma época de notícias falsas; e mais.

As inscrições vão até 30 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/y6n4enq5

Seminário online de jornalismo regional

Qualquer pessoa pode assistir a este seminário online gratuito em português.

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), em parceria com a Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (AERP), oferece o evento EaD  “Jornalismo regional: dilemas e desafios contemporâneos”.

O convidado, o professor-doutor João Figueira, da Universidade de Coimbra, fala sobre a importância de descentralizar as informações, que ainda focam nos grandes centros.

Entre os tópicos, o seminário aborda os desafios do jornalismo em Portugal, as transformações no século 21, a reinvenção da rádio e os efeitos na mídia local.

O seminário pode ser acessado a qualquer hora.

Infos: https://tinyurl.com/y43ka7n2

Festival internacional busca curtas

Documentaristas de todo o mundo podem participar desta competição.

O concurso “Vkratce!” será realizado como parte de um festival de curtas russo e alemão, organizado pela ONG russa Open City, com o apoio do Instituto Goethe. O evento acontece entre 27 de março e 4 de abril de 2020 em Volgogrado, na Rússia.

Curtas de ficção, documentários, animações e experimentais devem ter no máximo 25 minutos e devem ter sido criados após 1º de janeiro de 2019. Filmes em outros idiomas devem incluir legendas em inglês e russo.

Os vencedores receberão diplomas e troféus.

A participação é gratuita. As inscrições antecipadas vão até 24 de novembro e as inscrições regulares vão até 15 de dezembro. O prazo final é 4 de janeiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/y3r6xbou

SENAC-ES oferece cursos

Senac-ES está com diversas opções de cursos de capacitação e qualificação, com foco na atuação do profissional de varejo. Além das turmas presenciais, ainda há opções a distância.

ANALISTA DE MARKETING EM MÍDIAS SOCIAIS

Carga Horária: 30h

Valor: R$ 393,00

Unidades que estão oferecendo: Cachoeiro de Itapemirim

GESTÃO DE MÍDIAS SOCIAIS PARA MARKETING DIGITAL

Carga Horária: 48h

Valor: 2x R$ 300,00

Unidades que estão oferecendo: Linhares

MARKETING DIGITAL E E-COMMERCE

Carga Horária: 36h

Valor: R$ 468,00

Unidades que estão oferecendo: Cachoeiro de Itapemirim

E-MAIL MARKETING (EAD)

Carga Horária: 30 horas

Investimento: R$ 95,00

ENDOMARKETING (EAD)

Carga Horária: 30 horas

Investimento: R$ 95,00

FERRAMENTAS DE MARKETING DIGITAL (EAD)

Carga Horária: 30 horas

Investimento: R$ 95,00

REDES SOCIAIS COMO FERRAMENTA DE MARKETING (EAD)

Carga Horária: 20 horas

Investimento: R$ 82,30

As matriculas podem ser feitas no site do Senac-ES ou na instituição mais próxima. Mais informações no telefone (27) 3325-8311 ou no portal www.es.senac.br

As inscrições para os cursos EAD são realizadas exclusivamente pelo site www.ead.senac.br/

Fundação Obama oferece bolsas em Columbia

Líderes emergentes de todo o mundo que fizeram contribuições significativas para sua área podem se inscrever neste programa em Nova York.

A Universidade Columbia aceita candidatos para o Programa de Bolsas da Fundação Obama 2020-2021.

Os bolsistas passarão o ano acadêmico, de agosto a maio, em um programa imersivo que reúne aprendizado acadêmico, baseado em habilidades e experimental, desenvolvido pela Universidade Columbia em consulta com a Fundação Obama.

O programa oferece passagem aérea, uma bolsa mensal, um apartamento mobiliado, matrícula para até quatro cursos na Universidade Columbia e seguro médico, odontológico e de vida.

As inscrições vão até 13 de dezembro.

Infos: https://tinyurl.com/y5dnblhb

Curso grátis e online de Marketing digital

O Sebrae Bahia lançou um curso grátis e online sobre marketing digital.

A capacitação mostra como empreendedores podem alavancar suas vendas.

O curso ensina a criar um site, aumentar o tráfego da página, criar engajamento, gerenciar mídias sociais e que práticas evitar na sua estratégia de marketing digital.

A capacitação tem e-books, infográficos e vídeos explicativos.

Para acessar o conteúdo, clique neste link: https://t.ly/wKRg5

Programa de jornalismo na Universidade de Michigan

Jornalistas em meados de carreira podem concorrer a uma bolsa de estudos na Universidade de Michigan em Ann Arbor.

O programa de jornalismo Knight-Wallace, patrocinado pela Universidade de Michigan, reúne jornalistas excepcionais dos EUA e do exterior para um ano de estudo acadêmico. Os bolsistas elaboram um plano personalizado de estudo com acesso aos cursos e recursos da universidade.

Geralmente, 12 americanos e seis estrangeiros são escolhidos. Os bolsistas devem obter uma licença do empregador e depois retornar ao seu local de trabalho.

Os candidatos devem ter pelo menos cinco anos de experiência profissional. Jornalistas de imprensa, rádio, TV e online podem candidatar-se. A bolsa para americanos consiste em US$75.000 e cobre as mensalidades e custos de viagem. O valor para estrangeiros varia.

As inscrições vão até 1° de dezembro para candidatos internacionais e 1° de fevereiro de 2020.

Infos: https://tinyurl.com/y3gutbwc

Iniciativa de reportagem para Jornalistas experientes

Jornalistas experientes podem se candidatar a uma oportunidade de reportagem paga.

A Mongabay está aceitando projetos para duas iniciativas especiais de reportagem: commodities transfronteiriças e soluções de conservação.

A iniciativa de reportagem sobre commodities transfronteiriças visa descobrir má condutas na interseção do comércio global e degradação ambiental.

O projeto de reportagem sobre soluções de conservação busca exemplos do mundo real que possam ajudar grupos, agências e comunidades de conservação a lidar com os problemas causados pela perda de habitat, sobreexploração, mudança climática, poluição e outras ameaças.

As pautas são aceitas em inglês continuamente até 30 de setembro para matérias sobre commodities e 1º de outubro para as reportagens de soluções ou quando o orçamento for desembolçado.

Infos: https://tinyurl.com/y5fusgnk

Fundação Magnum seleciona bolsistas de fotografia

Recém-formados e fotógrafos iniciantes podem se candidatar a este programa em Nova York.

A Fundação Magnum está aceitando candidatos para sua bolsa da fotografia

O programa de seis semanas, de fevereiro a abril de 2019, permite a bolsistas produzir um projeto detalhado que demonstra um compromisso com questões sociais e com o trabalho comunitário na cidade.

Os bolsistas recebem uma bolsa total de US$6.000 e orientação.

Os candidatos devem ter experiência em pelo menos uma das seguintes áreas: produção de vídeo, design gráfico, tecnologia emergente e pesquisa.

As inscrições vão até 4 de janeiro de 2019.

Infos: https://goo.gl/S46Nej

Programa de bolsas busca ideias

Jornalistas, acadêmicos, cineastas e analistas de políticas públicas podem candidatar-se à turma de 2020 deste programa de bolsas.

O New America National Fellows Programa busca ideias que tenham impacto e despertem novas conversas sobre os problemas mais urgentes de hoje.

Os bolsistas promovem ideias por meio de pesquisas, reportagens, análises e narrativas. Os projetos devem ser originais, ambiciosos e viáveis, como escrever um livro, desenvolver uma série de artigos ou produzir um documentário.

A bolsa vai de 1º de setembro de 2019 a 31 de agosto de 2020. Os bolsistas geralmente permanecem em seu trabalho e cidade, mas participam de três reuniões, cada uma com duração de três dias em Washington ou Nova York.

Os fundos variam de US$15.000 a US$30.000.

As inscrições vão até 1º de fevereiro de 2019.

Infos: https://goo.gl/ouoCdP

Fundo para projetos de jornalismo

Jornalistas interessados em fazer reportagens sobre as florestas tropicais podem se candidatar a este subsídio.

O Centro Pulitzer lançou o Rainforest Journalism Fund.

O fundo visa apoiar projetos de jornalismo sobre os seguintes temas: o papel das florestas tropicais na situação climática mundial e nos padrões metereológicos globais, regionais e locais, com as consequentes impactos na vida humana e condições de vida, provocados pelo desmatamento; os fatores de estímulo ao desmatamento; e soluções para frear o desmatamento.

Jornalistas baseados em países da região amazônica que reportam para mídias locais e regionais, em inglês, português ou espanhol, podem concorrer aqui. Os candidatos selecionados receberão US$2.500 a US$7.500.

Os jornalistas de língua inglesa que trabalham para grandes meios de comunicação podem se candidatar aqui. Os candidatos selecionados receberão entre US$5.000 e US$15.000.

As propostas serão aceitas continuamente.

Para mais informações: https://pulitzercenter.org/node/25096