Semana da Transformação Digital

Empreendedores digitais estão convidados a participar deste evento online gratuito.

A Semana da Transformação Digital 2020 será realizada entre os dias 27 de abril e 1º de maio, com organização o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e outros.

O evento pretende ajudar pequenos negócios a enfrentarem a crise provocada pelo coronavírus. Entre os temas estão marketing e vendas, gestão financeira, presença digital, inovação, digitalização de processos, redes sociais, e mais.

As inscrições estão abertas e são gratuitas.

Infos: https://tinyurl.com/tvfn6g6

Bolsa para conferência sobre HIV/AIDS

Jornalistas que cobrem o HIV em qualquer país podem solicitar uma bolsa para participar desta conferência.

A International AIDS Society (IAS) organiza a quarta Conferência de Pesquisa e Prevenção do HIV (HIVR4P 2020), de 11 a 15 de outubro, na Cidade do Cabo, na África do Sul.

A conferência permitirá que 25 jornalistas de todo o mundo cubram o evento. Os bolsistas informarão sobre a prevenção biomédica do HIV e produzirão cobertura da mídia sobre avanços e desafios na pesquisa sobre prevenção, especialmente em comunidades fortemente impactadas pela epidemia.

Os candidatos ideais têm experiência anterior em prevenção de HIV e HIV, além de fortes habilidades em inglês. Jornalistas empregados ou freelancers podem concorrer a uma bolsa.

Os bolsistas receberão inscrição na conferência, passagem aérea, acomodação, algumas refeições e uma pequena diária.

As inscrições vão até 20 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/ub2yl7m

Projeto financia reportagens

O Centro Carter de Atlanta e a Universidad de La Sabana, da Colômbia, em parceria com a Fundação Gabo, abriram chamada para jornalistas latino-americanos interessados em realizar reportagens investigativas sobre saúde mental nos países da região.

Dois profissionais serão selecionados e receberão 7 mil dólares cada para investigar o tema proposto durante um ano, de setembro de 2020 a setembro de 2021. Também participarão de um treinamento no Centro Carter de Atlanta, nos Estados Unidos, no início e final da bolsa — com todas as despesas da viagem cobertas. É possível inscrever duplas — neste caso, a remuneração será dividida meio a meio.

Para candidatar-se, é preciso residir em um país da América Latina e ter ao menos três anos de experiência profissional. O jornalista deve ser fluente em inglês e contar com o apoio de um veículo de comunicação que, posteriormente, publicará o material produzido sobre saúde mental, caso seja selecionado.

As inscrições estão abertas até 30 de junho: https://tinyurl.com/we4qu6e

Prêmio Marielle Franco de Ensaios Feministas

Escritoras mulheres, cis e trans, podem participar deste concurso.

O Instituto Marielle Franco e a Editora Contracorrente lançaram o Prêmio Marielle Franco de Ensaios Feministas.

O prêmio visa fortalecer o pensamento feminista e defender a memória e a luta de Marielle, assassinada no dia 14 de março de 2018.

O ensaio deve ter entre 15.000 e 40.000 palavras, ser original e inédito, ou seja, não deve ter sido publicado em formato impresso ou digital.

A vencedora receberá R$10.000.

As inscrições vão até 16 de junho.

Infos: https://tinyurl.com/ruaotw6

Subsídio para reportagem sobre coronavírus

Jornalistas podem enviar propostas  de abordagens inovadoras para reportar sobre a crise do novo coronavírus.

O Centro Pulitzer lançou o Desafio de Colaboração Jornalística sobre Coronavírus.

As propostas devem envolver um esforço estratégico e orquestrado de vários jornalistas e/ou redações para realizaer um projeto de reportagem conjunto, aproveitando os recursos, experiência e plataformas de publicação.

A iniciativa de reportagem está especialmente interessada em propostas que se concentrem em questões sistêmicas e pouco reportadas subjacentes à crise do coronavírus, usem abordagens orientadas por dados e/ou interdisciplinares para reportagem sobre o coronavírus e promovem a prestação e contas dos poderosos.

Os beneficiários receberão entre US$5.000 e US$30.000.

As inscrições estão abertas e serão consideradas por ordem de chegada.

Infos: https://tinyurl.com/s89cppj

Festival russo de documentários

Documentaristas de todo o mundo podem participar deste festival.

O Festival Internacional “Mensagem ao Homem” de Documentários, Curtas e Animações, organizado com o apoio do Ministério da Cultura da Federação Russa e da União dos Cineastas da Rússia, acontecerá de 11 a 19 de setembro em São Petersburgo, Rússia.

O festival aceita filmes documentários (até 120 minutos), documentários curtos (até 40 minutos) e curtas de animação (até 30 minutos).

Todos os filmes devem ter sido feitos após 1º de janeiro de 2019. Os filmes em idiomas diferentes do inglês devem incluir legendas em inglês.

Não há taxa de inscrição na competição nacional. A taxa de inscrição nas competições internacionais e experimentais é de EUR7 (US$7,94) para curtas e EUR10 (US$11,35) para longas.

O vencedor do grande prêmio da competição internacional receberá o Grand Prix do Centauro de Ouro e US$3.000. Há vários prêmios em dinheiro de até US$1.000 cada.

As inscrições vão até 31 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/vqvp6fo

Concurso internacional de cobertura de freelancer

Jornalistas de imprensa e online de países em desenvolvimento podem participar.

O Kurt Schork Memorial Fund, em parceria com a Fundação Thomson Reuters, abriu as inscrições para os Prêmios Internacionais Kurt Schork de Jornalismo, homenageando reportagens independentes internacionais e jornalistas locais que enfrentam riscos na cobertura de notícias.

O prêmio é oferecido em três categorias: jornalista freelancer que cobre notícias internacionais, repórter local que cobre eventos no seu país ou região e fixer ou colaborador local.

Cada vencedor receberá um prêmio em dinheiro de US$5.000, concedido em cerimônia realizada em Londres.

As matérias podem ser sobre conflitos, direitos humanos, questões transfronteiriças ou qualquer assunto polêmico em um determinado país ou região. Cada proposta deve demonstrar profissionalismo, respeitar as normas jornalísticas internacionais e apresentar provas de que coragem e determinação foram necessárias para cobrir a história.

Os artigos devem ser traduzidos ao inglês e ter sidos publicados entre 1° de junho de 2019 e 31 de maio de 2020.

As inscrições vão até 31 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/row6rmk

Concurso de jornalismo sobre Amazônia

Jornalistas e equipes de jornalismo que trabalham na América Latina podem participar deste concurso.

O Hivos e Greenpeace, através do programa “Todos os olhos na Amazônia”, lançaram um concurso regional de jornalismo de dados.

A competição busca incentivar a criação de conteúdo sobre as ameaças e vulnerabilidades enfrentadas pelos povos indígenas e comunidades locais da Amazônia. O concurso também visa impulsionar o jornalismo de dados como um mecanismo para promover a conscientização ambiental e social.

Serão aceitas matérias impressas, digitais e fotográficas em espanhol, português e inglês. As inscrições devem ter sido publicadas ou transmitidas de 26 de fevereiro a 15 de junho de 2020.

Os vencedores do primeiro e segundo lugares viajarão à Amazônia peruana para conhecer o trabalho do programa “Todos os olhos na Amazônia”, além de receber US$1.500 e US$1.000, respectivamente. O trabalho deles será traduzido e publicado em diferentes plataformas.

As inscrições vão até 15 de junho.

Infos: https://tinyurl.com/vsuq6y4

Prêmio brasileiro de reportagens

Jornalistas profissionais podem competir por este prêmio brasileiro.

O Prêmio Rede ILPF de Jornalismo reconhece trabalhos jornalísticos sobre sistemas de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF).

Os trabalhos devem ter sido veiculados entre 1º de julho de 2019 e 15 de maio de 2020 em TVs, jornais, revistas, rádios, sites, blogs e plataformas de áudio e vídeo sob demanda.

Os vencedores de cada uma das cinco categorias receberão uma press trip a uma das 16 Unidades de Referência Tecnológica (URT) ou uma das 12 Unidades de Referência Tecnológica e de Pesquisa (URTP), além de viajar para o Congresso Mundial de ILPF, no dia 22 de junho em Campo Grande (MS).

As inscrições vão até 15 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/t5jpmus

Bolsa de reportagem

Jornalistas, documentaristas, fotógrafos e produtores de multimídia que trabalham em projetos de reportagem de formato longo podem se candidatar a uma bolsa de residência.

O Logan Nonfiction Program aceita candidatos para um programa de residência que será realizado de fevereiro a abril no Instituto Carey for Global Good em Rensselaerville, Nova York.

O programa busca apoiar a democracia através do avanço da investigação jornalística independente. Os candidatos devem apresentar uma proposta sobre tópicos políticos, de saúde, ambientais, direitos humanos e justiça socialmente relevantes.

Os profissionais que trabalham em idiomas diferentes do inglês são incentivados a se inscrever, mas devem ter um conhecimento prático do idioma.

A organização oferece alojamento, refeições, mentoria e comunidade por até 10 semanas.

As inscrições vão até 1° de junho.

Infos: https://tinyurl.com/w5u7t9e

Fundos de jornalismo investigativo

Jornalistas investigativos podem se candidatar a uma bolsa de reportagem.

As bolsas, patrocinadas pelo Fund for Investigative Journalism, destinam-se a apoiar projetos investigativos que desbravam novos caminhos e expõem irregularidades como corrupção, atos ilícitos ou uso indevido de poder nos setores público e privado.

O prêmio máximo é de US$10.000, destinado a despesas extras, como viagem, coleta de documentos e aluguel de equipamentos. A primeira metade da bolsa é concedida quando a solicitação é aprovada e a segunda metade é paga quando o projeto é concluído.

As propostas devem vir de repórteres sediados nos EUA ou jornalistas internacionais cujas histórias tenham um ângulo americano, envolvendo cidadãos, governo ou empresas americanas. As matérias devem ser publicadas em inglês.

As propostas devem ser enviadas em inglês e incluir um orçamento detalhado.

As inscrições vão até 4 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/u7g6vsx

Programa de residência nos EUA para jornalistas

Jornalistas e artistas visuais podem se inscrever para um programa de residência em Peterborough, New Hampshire.

A MacDowell Colony oferece tempo e espaço para jornalistas trabalharem em projetos de longa duração por duas a oito semanas. A próxima residência será realizada entre 1° de outubro de 2020 a 31 de janeiro de 2021.

Jornalistas profissionais e emergentes são elegíveis. Escritores, artistas visuais, compositores, cineastas, dramaturgos, artistas e arquitetos interdisciplinares vêm de todas as partes dos Estados Unidos e do exterior.

O programa é gratuito. Um subsídio é fornecido, além de uma bolsa de viagem para jornalistas. Formulários de ajuda financeira estão disponíveis mediante aceitação e o auxílio é concedido com base na necessidade.

As inscrições vão até 15 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/th5ehpb

Festival de documentários convida inscrições

Documentaristas de todo o mundo são convidados a apresentar seus trabalhos para um concurso internacional de cinema na Rússia.

O International Documentary Film Festival Flahertiana aceita inscrições para seu concurso de 2020. O festival, nomeado em homenagem ao cineasta americano Robert J. Flaherty, será realizado de 18 a 24 de setembro, em Perm, na Rússia.

O vencedor do prêmio de melhor documentário receberá RUB250.000 (US$3,738). Os vencedores do prêmio melhor assunto e prêmio de melhor solução artística receberão RUB75.000 (US$1.120) cada.

Os diretores podem optar por receber seus prêmios em rublos, dólares ou euros.

As inscrições devem refletir o estilo de documentário de Robert Flaherty e seu filme “Nanook do Norte”. Os filmes em outros idiomas além do inglês devem incluir legendas em inglês. Todos os filmes devem ter sido lançados após 1° de janeiro de 2019.

O festival irá cobrir as taxas de visto, custos de transporte e três dias de alojamento em Perm para diretores cujos documentários são selecionados para a competição internacional.

O prazo para apresentação de filmes vai até 10 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/slanafj

Congressos regionais de comunicação

Acadêmicos e profissionais de comunicação podem participar do Congresso de Ciências da Comunicação nas cinco regiões brasileiras.

A Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) está organizando seus congressos regionais. O evento inclui painéis de discussão, oficinas e minicursos, e lançamentos de produtos científicos.

Os congressos regionais são: Intercom Sudeste, 22 a 24 de maio em Poços de Caldas; Intercom Norte, 28 a 30 de maio em Belém; Intercom Centro-Oeste, 4 a 6 de junho em Dourados; Intercom Sul, 11 a 13 de junho, Balneário Camboriú; e Intercom Nordeste, 25 a 27 de junho em Campina Grande.

A chamada de trabalhos está aberta. O prazo de inscrição varia de acordo com a região, com custos a partir de R$40.

Infos: https://tinyurl.com/rdpdony

Prêmio CNBB de comunicação

Jornalistas, produtores, cineastas e estudantes de jornalismo e comunicação com trabalhos no Brasil cujos objetivos coincidam com valores humanos cristãos e éticos podem concorrer aos Prêmios de Comunicação da CNBB.

Organizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a competição visa estabelecer um diálogo entre a informação e cultura com o olhar atento dos profissionais de comunicação que se empenham em retratar o que acontece na sociedade, seja através de denúncias ou omissões da realidade brasileira ou por meio de exemplos da capacidade de construir o bem comum.

Os trabalhos devem ter sido publicados ou transmitidos em 2019.

A premiação consiste no troféu Margarida de Prata para obras de cinema; o Microfone de Prata para rádio; Clara de Assis, televisão; Dom Helder Câmara, impresso; e Dom Luciano Mendes de Almeida, internet; Pastoral “Kerigma”, para ações desenvolvidas pelas equipes da Pastoral da Comunicação; e prêmio “Papa Francisco,  pesquisadores em comunicação; além da menção honrosa “irmã Doroty Stang”.

Os vencedores terão as despesas pagas para participar da premiação em Brasília.

As inscrições vão até 10 de maio.

Infos: https://tinyurl.com/rd5por5

Bolsa de estudo de reportagem

Jornalistas em todo o mundo podem se inscrever para um programa de uma semana nos Estados Unidos.

A Woods Hole Oceanographic Institution está aceitando inscrições para seu programa de jornalismo 2020. O programa de uma semana é projetado para introduzir jornalistas de ciência a oceanografia e engenharia de oceano através de seminários, visitas a laboratórios e breves expedições de campo.

O programa será realizado de 10 a 12 de junho em Woods Hole, Massachusetts.

Todos os bolsistas receberão um subsídio de transporte, alojamento e alimentação durante uma semana.

Os candidatos devem ter pelo menos dois anos de redação, produção ou edição. Freelancers podem concorrer, mas devem ser capazes de mostrar trabalhos substanciais. Jornalistas internacionais são encorajados a se inscrever.

As inscrições vão até 17 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/umft7ad

Reuters oferece curso gratuito em São Paulo

A Fundação Thomson Reuters abriu inscrições para o curso gratuito “Como cobrir tráfico humano e escravidão moderna”. O treinamento será realizado em São Paulo, de 15 a 19 de junho. Em sua segunda edição, o evento oferecerá aos jornalistas selecionados formações com especialistas e atividades práticas voltadas para a investigação da escravidão moderna. As inscrições estão abertas até 13 abril.

Jornalistas em regime de trabalho integral e freelancers com pelo menos três anos de experiência profissional são encorajados a se inscrever. Todos os custos de deslocamento, estada e alimentação para profissionais de outros estados serão cobertos pela organização do curso.

Infos: https://tinyurl.com/r2p9abq

Curso foca em reportagem sobre tráfico humano e escravidão moderna

Jornalistas com pelo menos três anos de experiência podem participar deste treinamento gratuito.

A Fundação Thomson Reuters organiza o curso “Como cobrir tráfico humano e escravidão moderna” de 15 a 19 de junho em São Paulo.

O workshop oferecerá especialização e treinamento prático, com ênfase na produção de matérias de alto impacto para disseminação ampla. Os participantes aprenderão sobre os esforços para estabelecer padrões globais de combate à escravidão moderna, incluindo convenções fundamentais, instrumentos internacionais e mais.

Os candidatos devem ser jornalistas brasileiros empregados em tempo integral ou colaboradores regulares para organizações de mídia no Brasil.

Os jornalistas fora de São Paulo terão suas despesas de viagem e acomodação cobertas.

As inscrições vão até 13 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/r2p9abq

Vaga para jornalista na Aeronáutica

Exame de admissão para o Quadro de Oficiais de Apoio (QOAP), Estágio de Adaptação (EAOAP, 17 semanas no Ciaar – Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica, em Belo Horizonte, MG)

Idade: 18 a 32 anos

Remuneração: R$ 8.245,00 (Primeiro-Tenente)

Inscrição: 10 a 27 de fevereiro

Banca: Aeronáutica/Ciaar (fab.mil.br/ciaar)

Taxa de inscrição: R$ 130,00

Data da prova objetiva: 17 de maio

Prova objetiva de conhecimentos especializados e língua portuguesa.

Redação (15 melhores colocados)

Outros exames, selecionados na prova escrita: inspeção de saúde, aptidão psicológica, condicionamento físico etc.

Edital: https://tinyurl.com/tb4kd7q

Bolsa para Jornalistas produzirem matéria sobre crises

Elegibilidade: as bolsas de Persephone Miel estão abertas a todos os jornalistas, escritores, fotógrafos, produtores de rádio ou cineastas, jornalistas de pessoal, freelancers e profissionais de mídia fora dos EUA que estão buscando relatórios de seu país de origem. As mulheres jornalistas e jornalistas de países em desenvolvimento são fortemente encorajados a candidatar-se. Os candidatos devem ser proficientes em inglês.

O Centro Pulitzer sobre Relatórios de Crise fornecerá uma concessão de viagem de US $ 5000 para um projeto de relatório sobre temas e regiões de importância global, com ênfase em questões que não foram relatadas ou subestimadas na mídia convencional.

Infos: https://goo.gl/GGc4PC

Prêmio brasileiro para jornalistas de ciência e tecnologia

Jornalistas que se destacam na difusão da ciência, tecnologia e inovação podem concorrer ao Prêmio José Reis de Divulgação Científica e Tecnológica.

Oferecido anualmente pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCT), o prêmio destacará este ano um jornalista de ciência e tecnologia.

Os candidatos devem encaminhar no máximo 15 trabalhos considerados importantes e relevantes ao tema.

O vencedor receberá R$20.000 e viajará para a Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) em julho na Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

As inscrições vão até 24 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/wkv89gq

Curso de inglês para jornalistas

Qualquer um pode participar deste curso gratuito em seu próprio ritmo.

A Universidade da Califórnia, em Berkeley, oferece o MOOC (Curso Online Massivo e Aberto) “English for Journalists, part 2” através da plataforma edX. O curso é dividido em duas sessões de cinco semanas. A segunda sessão está disponível agora.

O curso foi desenvolvido pelo Departamento de Estado dos EUA e por outras organizações para falantes de inglês não-nativos que estão interessados em desenvolver as habilidades necessárias para o jornalismo. Os alunos devem dedicar de 3 a 4 horas por semana ao treinamento.

Entre os tópicos estão como melhorar o seu vocabulário e gramática inglesa para escrever matérias mais eficazes; como comunicar de forma mais eficaz com os outros em entrevistas e reportagens; e aprender diferentes estilos de escrita de notícias, incluindo humor, satírico, esportes e transmissão; e mais.

As inscrições estão abertas.

Para mais informações: https://www.edx.org/course/english-for-journalists-part-2-0

Festival internacional convida filmes sobre diversidade cultural

Documentaristas do mundo todo podem enviar seus trabalhos para um festival de cinema em Ierevan, Armênia.

O Yerevan International Film Festival Golden Apricot será realizado de 12 a 19 de julho.

O festival busca por filmes que representem diversos grupos étnicos, religiões e nações.

As exibições incluem competições internacionais de longas e documentários.

Filmes competitivos devem ter sido produzidos a partir de 15 de julho de 2019.

Os vencedores receberão os troféus “Golden Apricot” e “Silver Apricot”.

As inscrições vão até 15 de abril.

Infos: https://tinyurl.com/tegr2ac

Cursos online grátis de idiomas em Cambridge

A Universidade Cambridge, da Inglaterra, oferece cursos online grátis de idiomas. Atualmente, as aulas gratuitas disponibilizadas são de alemão e mandarim.

Para começar, o interessado deve se cadastrar na plataforma de ensino Alison. Os cursos são livre, então o período de conclusão depende da disponibilidade de cada aluno. Os cursos são gratuitos, a única taxa que será cobrada é se houver a necessidade de um certificado.

Na língua germânica é possível cursar o básico, com noções da pronuncia do alfabeto e das palavras completas, números e saudações. Além disso, existem quatro tipos de aulas voltadas para conversação, nas quais os interessados aprendem a descrever sua família, profissão, marcar compromissos, entre outros temas.

Já nos cursos de língua chinesa, além dos mesmos temas abordados em alemão, existe um curso de primeiro contato com a língua e outras divisões para os de conversação – como usar meios de transportes, o que fazer no tempo livre e como reservar um hotel ou sair para um restaurante estão entre as opções.

Ao todo, são cinco cursos de alemão e sete de mandarim. É necessário, porém, ter conhecimento prévio em inglês, já que o site está todo nesta língua. Confira mais detalhes sobre os cursos em https://goo.gl/wS5XS7

Curso foca em projetos audiovisuais

Profissionais audiovisuais podem assistir a este curso online gratuito.

A ANCINE, em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), oferece o curso “Concepção de projetos audiovisuais e fontes de financiamento” através da plataforma Escola Virtual do Governo.

O curso é dividido em três módulos: visão geral do fomento, como estruturar o plano de financiamento do projeto e como apresentar um projeto na ANCINE.

Os participantes vão aprender sobre a concepção de projetos audiovisuais e fontes de financiamento.

A carga horária é de 20 horas. O curso deve ser concluído no prazo de 30 dias.

Infos: https://tinyurl.com/vh9wbph

9 cursos gratuitos online de francês

Sites, cursos online, canais no YouTube e aplicativos que auxiliam quem quer iniciar ou aprofundar seus conhecimentos na língua falada por mais de 270 milhões de pessoas:

Bonjour de France

Testes, exercícios e jogos para aprender francês, além de fichas pedagógicas preparadas por professores especializados.

Canal UniFrancês

Brasileiro que se mudou para a Bélgica ainda criança e criou o canal UniFrancês no YouTube, por onde ensina vocabulário, pronúncia e gramática. Conta com mais de 70 mil inscritos e vídeos separados por playlists.

Babbel

O aplicativo disponibiliza aulas para iniciantes e avançados, além de cursos para aprimorar os conhecimentos, vocabulário e gramática. Você pode salvar o progresso de cada lição para recomeçar de onde parou. Disponível para Android e iOS.

Memrise

O acesso à plataforma é feito por meio de um cadastro bem simples. Os módulos são criados por uma comunidade de usuários que oferecem focos diversos. como Francês para Brasileiros, Vocabulário Necessário, Preposições e Conjunções.

FrancêsZero

O site disponibiliza conteúdo gratuito em forma de podcasts, exercícios, música e módulos do básico ao intermediário.

BBC Languages French

O site disponibiliza exercícios, jogos, áudios, vídeos e outros materiais que compõem o curso online gratuito. Mas, trata-se de um site britânico, logo, você vai precisar de alguma familiaridade com o inglês.

Os franceses tomam banho!

Vídeos reunindos no Curso Básico de Francês no qual o aluno tem acesso a dicas e curiosidades sobre a cultura francesa.

Universidade do Texas

Mais um para você treinar o inglês enquanto aprende francês! A Texas University oferece, por meio da plataforma Alison, cursos online gratuitos para quem quer usar o idioma em diversas situações, como moda, restaurantes, trabalho e em casa.

Podcast Français Facile

Diálogos, textos, gramática, fonética e jogos, tudo isso é disponibilizado pelo site de forma inteiramente gratuita. O usuário tem acesso a vídeos e áudios em MP3 sobre temas variados que possibilitam o treino e memorização do idioma. Além disso, você pode praticar o conteúdo baixando os exercícios em PDF.

Fundo para Jornalistas independentes e documentaristas

Jornalistas independentes e documentaristas que focam em violações dos direitos humanos podem solicitar apoio financeiro.

O Forum Freelance Fund oferece a Bolsa Portenier de Direitos Humanos, patrocinada pela cineasta Giselle Portenier. Os candidatos devem demonstrar um claro interesse ou histórico em lançar luz sobre os abusos dos direitos humanos e planejar uma próxima tarefa ou projeto com um foco em direitos humanos.

O prêmio está aberto a freelancers em todo o mundo, experientes ou iniciantes. O vencedor receberá até CAD3.000 (US$2.335) para treinamento de segurança em ambientes perigosos do AKE, Columbia Journalism School, Centurion, 1st Options Security, Global Journalist Security, Pilgrims Group, Remote Trauma, Tundra Group ou TYR Solutions.

Mais informações: http://bit.ly/1XkF70q

MIS abre inscrições para cursos de fotografia e audiovisual

O Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, está com inscrições abertas para mais de 15 cursos, com preços a partir de R$ 50, que serão realizados no primeiro semestre de 2020.

Entre as opções oferecidas estão aulas teóricas e práticas, de curta e média duração, sobre cinema, fotografia, história da arte, áudio, vídeo e novas mídias. Para complementar, o museu contará com exposições sobre grandes diretores do cinema mundial, como Federico Fellini e David Lynch.

No site da instituição é possível verificar a lista completa: https://www.mis-sp.org.br/cursos

Programa de comunicação busca mentores e redatores

Jornalistas ambientais iniciantes e experientes podem participar deste programa.

Ensia, uma revista sem fins lucrativos que se concentra nos desafios ambientais e soluções para um público global, está aceitando candidatos para o Programa Ensia de Mentoria.

O programa oferece a jornalistas a oportunidade de criar um artigo, vídeo, galeria de imagens, infografia ou outro trabalho sob a orientação de um comunicador experiente sobre um tema de sua escolha para a Ensia.

A matéria original deve estar em inglês, mas a Ensia aceita artigos publicados em outros idiomas se o jornalista quiser traduzi-lo.

Redatores e mentores recebem US$600 e US$400, respectivamente, por artigo.

As inscrições são aceitas de forma contínua.

Mais informações: https://goo.gl/3YJbv6

Curso online gratuito ensina marketing digital para rádio e TV

Curso online – e gratuito – está com inscrições abertas

O público-alvo do curso é quem deseja ingressar no mercado de rádio e TV. O conteúdo elaborado também é voltado para quem, mesmo dentro do mercado de trabalho, planeja se atualizar, aperfeiçoando suas habilidades de marketing e evoluindo no quesito gestão do negócio.

Infos e increição: http://www.sertsc.org.br/site/?p=7858

Cursos gratuitos para aprender a usar ferramentas de dados

Organizações da sociedade civil, jornalistas e cidadãos podem aprender a usar ferramentas para ler e analisar dados em português.

A Escola de Dados oferece módulos acessíveis sobre os princípios básicos de trabalhar com dados, como solicitar dados para reportagem, raspagem e extração de dados, e dados em PDF.

Não é necessário efetuar inscrição para acessar os materiais online.

Mais informações: https://goo.gl/k6MEFc

Google oferece curso gratuito sobre Realidade Aumentada e Virtual

O Google trouxe uma novidade interessante para quem quer aprender um pouco mais sobre realidade aumentada. Trata-se de um curso parcialmente gratuito sobre como criar conteúdo em AR para sua plataforma. O curso tem mais de 15 horas de duração e pode ser feito até mesmo por quem não tem experiência no assunto.

Com esse curso é possível expandir ainda mais o assunto AR (realidade aumentada), fazendo com que as pessoas tenham mais contato com essa tecnologia que ainda é bastante desconhecida para muitos. Além disso, este curso é uma ótima porta de entrada para que as pessoas vejam o que é possível fazer com o ARCore.

Para quem se interessou e quer fazer o curso, basta acessar esse link aqui e se inscrever: https://goo.gl/SjhJ7p

É válido destacar que a opção para gratuidade completa deve ser solicitada na opção “Solicitar auxílio financeiro”. A versão grátis não dá direito ao certificado de conclusão e participação do curso.

Cursos online grátis

O site Eu Posso Programar (http://www.eupossoprogramar.com/), da Microsoft, oferece cursos gratuitos básicos que ensinam a desenvolver páginas web e até aplicativos. O objetivo é proporcionar a integração de tecnologia e educação. O público-alvo são os jovens de 12 a 25 anos que moram na América Latina. Entretanto, qualquer pessoa de qualquer idade pode fazer os cursos.

Curso de inglês gratuito para jornalistas

Qualquer um pode participar deste curso gratuito em seu próprio ritmo.

A Universidade da Califórnia, em Berkeley, oferece o MOOC (Curso Online Massivo e Aberto) “English for Journalists” através da plataforma edX. O curso é dividido em duas sessões de cinco semanas.

O curso foi desenvolvido pelo Departamento de Estado dos EUA e por outras organizações para falantes de inglês não-nativos que estão interessados em desenvolver as habilidades necessárias para o jornalismo. Os alunos devem dedicar de 3 a 4 horas por semana ao treinamento.

Entre os tópicos estão os problemas atuais enfrentados pelos jornalistas globalmente; como melhorar o seu vocabulário e gramática para escrever matérias mais eficazes em inglês; como comunicar de forma mais eficaz com os outros em entrevistas e reportagens; e questões de ética, igualdade e justiça aplicadas ao jornalismo.

As inscrições estão abertas.

Para mais informações: https://www.edx.org/course/english-for-journalists-part-1